Ciclo Cultura e Conhecimento | 14 outubro | 16h00 | Cozinha monástica

No intervalo de tempo dedicado à espiritualidade e da necessidade de angariar verbas ou retribuir àqueles que de algum modo contribuíam para a subsistência dos conventos, surgiram combinações de ingredientes tão simples como as Bolachinhas de Santa Luzia ou mais complexas como os Rebuçados de Ovo de Portalegre. Ora, é precisamente sobre este tipo de iguarias que, no próximo dia 14 de outubro (sábado), pelas 16h00, Ana Tomás vem apresentar na Biblioteca Municipal de Ponte de Sor a comunicação intitulada A cozinha monástica: da simplicidade à sumptuosidade, no regresso do Ciclo de Cultura e Conhecimento, existindo ainda a oportunidade de se provar um pouco da doçaria conventual da região.

Anúncios
Publicado em Ciclo Cultura e Conhecimento | Etiquetas | Publicar um comentário

Tesouro da Biblioteca | outubro de 2017

O tesouro deste mês é considerado o primeiro livro de gastronomia portuguesa, cuja primeira edição, do autor António Maria de Oliveira Bello, foi feita em 1936, sendo hoje um objeto de culto entre os colecionistas.

Em 1994, a Assírio & Alvim decidiu efetuar a presente edição, com um excelente preâmbulo de José Quitério e um prólogo de Albino Forjaz de Sampaio, que ajudam a entender a grandiosidade da tarefa levada a cabo pelo autor que pela primeira vez reconhece a qualidade dos nossos produtos e a cozinha regional portuguesa é inicialmente assumida e enaltecida.

Ao gosto da época, a linguagem será a mais adequada para chegar ao público visado. O autor informa que muitas das receitas que compõem o livro «foram gentilmente cedidas por senhoras de Lisboa e das províncias, para quem a culinária constitui uma arte realizada com prazer e carinho.»

Com este trabalho pretendeu António Bello evitar que caíssem no esquecimento excelentes preparações, que mostram qualidade e originalidade, além de  chamar a atenção dos hoteleiros e proprietários dos restaurantes, especialmente das regiões turísticas, para as receitas culinárias nacionais, empregando produtos da melhor qualidade produzidos ou transformados na própria região. Consulte aqui o Tesouro da Biblioteca

Publicado em Tesouro Biblioteca | Etiquetas | Publicar um comentário

Conversas com História e histórias | sessões de outubro

Imagem | Publicado em por | Publicar um comentário

Dia Mundial da Música | 30 de setembro | 16h00

A Biblioteca Municipal de Ponte de Sor associa-se à comemoração do Dia Mundial da Música que, no dia 30 de setembro, a partir das 16h00, irá decorrer no Centro de Artes e Cultura de Ponte de Sor, de acordo com o seguinte programa:

16h00 – Comunicação intitulada “Sor Ritmo: uma breve história da atividade musical em Ponte de Sor”, por Ana Isabel Silva e Carlos Manuel Faísca (Sala de Leitura da BMPS)

16h30 – Momento musical com a Orquestra Ligeira da Câmara Municipal de Ponte de Sor (Sala de Leitura da BMPS)

16h40 – Inauguração da exposição “No compasso da história da Música em Ponte de Sor” (Sala de Leitura da BMPS)

17h00 – Inauguração da exposição de escultura “Pedras d’Alma”, de Cristina Maria

 

Publicado em Uncategorized | Publicar um comentário

O avô e os netos falam de geologia | 23 setembro | 16h00

No sábado, dia 23 de setembro, a Biblioteca Municipal recebe o Prof. Doutor Galopim de Carvalho, prestando homenagem a esta personalidade proeminente no panorama científico nacional e internacional.

Alentejano, nascido em Évora em 1931, Galopim de Carvalho é Professor Jubilado da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa, embora tenha lecionado e orientado mestrados e doutoramentos, em diversas disciplinas e instituições de ensino universitário. Grande defensor do património cultural e científico, distinguiu-se como investigador, diretor de museus, autor de dezenas de livros e de centenas de artigos científicos; foi responsável por várias exposições e consultor científico da RTP para as séries televisivas de divulgação científica na área das Ciências da Terra; foi membro da Comissão Nacional da UNESCO.

Ao longo de décadas de uma vida muito ativa, tornou-se um símbolo para as novas gerações de uma militância generosa na defesa e valorização de Geologia, incluindo a Paleontologia, do património geológico e da profissão de geólogo; criou o Museu do Quartzo e continua um trabalho incansável de divulgação científica, em encontros e debates, nas escolas, nas bibliotecas e nos meios de comunicação.

Toda esta atividade granjeou-lhe a fama de que hoje goza, sendo uma das mais conhecidas figuras nacionais do mundo da Ciência.  É, por isso, patrono de várias escolas, membro de distintas organizações e foi já distinguido com diversos títulos de mérito.

Apesar da sua idade (86 anos), o Prof. Galopim de Carvalho acabou de lançar mais um livro de divulgação científica, que servirá de mote à conversa, orientada pela Dr.ª Cláudia Gonçalves.

Publicado em Uncategorized | Publicar um comentário